Instituto de Arquitetura e Urbanismo de São Carlos

moradias-estudantis  web

_ O Escritório USP Mulheres e a Superintendência de Assistência Social (SAS) lançam neste mês de março a  campanha Moradias estudantis sem violência de gênero que visa desvelar, nomear e dar visibilidade às diferentes formas de violências de gênero que podem ocorrer no âmbito das moradias estudantis, sejam elas institucionais ou nas repúblicas de estudantes que se formam no entorno de cidades universitárias. Assim como na sociedade em geral, as moradias estudantis e demais espaços comuns na universidade são ambientes nos quais essas formas de violência, suas desigualdades e assimetrias podem se manifestar.

Com caráter informativo e educativo, a campanha conta com seis peças que retratam diferentes violências de gênero com o pano de fundo das moradias estudantis, seguidas da identificação da violência representada em cada história e de orientações de onde buscar ajuda.

Contextualização

A presente campanha se localiza como um desdobramento da criação do Protocolo de atendimento da SAS para casos de violência de gênero contra mulheres na Universidade, elaborado ao longo do ano de 2020, no contexto da pandemia da covid-19, a partir da leitura de referenciais técnicos e discussões entre a equipe da SAS e a área de Programas do Escritório USP Mulheres, contando com contribuições fundamentais das assistentes sociais de outros campi da USP. A portaria que institui o protocolo foi assinada pelo Reitor Vahan Agopyan ( Portaria GR Nº 7653 ), em dezembro de 2020.

Para dar visibilidade às mudanças e impactos na vida das mulheres com a pandemia de covid-19, o Escritório USP Mulheres realizou duas campanhas em 2020: a primeira "A USP unida pela igualdade de gênero" procurou conscientizar a comunidade universitária sobre a necessidade de uma justa divisão de tarefas domésticas e de cuidados com familiares, durante (e após) o período de isolamento social e a segunda, "A USP 'mete a colher' na violência doméstica", visava incentivar a comunidade universitária a identificar esse grave problema social, oferecer ajuda e intervenção adequadas, ampliando o debate e o conhecimento de recursos disponíveis em sua região.

Para saber mais sobre a campanha Moradias estudantis sem violência de gênero,  clique aqui.

Para acessar informações sobre o protocolo e agendamento com as assistentes sociais da SAS, clique aqui

Profa. Maria Arminda do Nascimento Arruda
Coordenadora do Escritório USP Mulheres
Universidade de São Paulo

Prof. Gerson Yukio Tomanari
Superintendente de Assistência Social
Universidade de São Paulo 

USP Mulheres
Av. Profº Lúcio Martins Rodrigues, 310
bloco B - 2º andar - Sala 03.
CEP: 05508-020
Cidade Universitária
São Paulo - SP | Brasil.

Telefones: (11) 2648-1371
Facebook: facebook.com/uspmulheres
Instagram: @uspmulheres
Site: uspmulheres.usp.br

moradias-estudantis cartazes

Previous Next
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
leia mais
Nascente USP 2022 está com inscrições abertas O Nascente USP está de volta, do jeito que você conhece: com mostras e apresentações totalmente presenciais. Suspenso em 2020 e realizado de forma...
leia mais
leia mais
IAU USP e “Sapienza” Università di Roma estudam influência italiana no patrimônio arquitetônico de São Carlos O Instituto de Arquitetura e Urbanismo da USP (IAU USP), em São Carlos, a “Sapienza” Università di Roma e a Fundação Pró-Memória realizaram uma...
leia mais
leia mais
Parceria entre IAU e Fundação documenta edifícios históricos que possuem influência italiana A Fundação Pró-Memória de São Carlos, em parceria com a Instituto de Arquitetura da USP (IAU-USP) e a Universidade “La Sapienza” de Roma, está...
leia mais
leia mais
Pró-Reitoria de Inclusão Social é criada pela USP Em reunião do Conselho Universitário da USP realizada nesta terça-feira (3), foi aprovada a criação da Pró-Reitoria de Inclusão e Pertencimento...
leia mais
leia mais
Projeto Vila-Praça elaborado no IAU-USP será implantado em Araraquara-SP _ Em visita ao IAU-USP, gestores do município de Araraquara-SP confirmaram o início da implantação de projeto de uma quadra de habitação...
leia mais
leia mais
Docente do Instituto de Arquitetura e Urbanismo é contemplada com o Prêmio “Trajetória pela Inovação” 3ª. Edição _ O Instituto de Arquitetura e Urbanismo – IAU USP, informa com grande satisfação, que a Profa. Associada Akemi Ino foi contemplada com o Prêmio...
leia mais
leia mais
CAU/SP premia projeto do IAU-USP como Boa Prática de Ensino no Estado de São Paulo _ Projetos em Rede foi a proposta premiada como Boa Prática de Ensino pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo-SP. O trabalho integrou o...
leia mais
leia mais
Colação de grau do curso de Arquitetura e Urbanismo do IAU   _ O Instituto de Arquitetura e Urbanismo (IAU) da USP realizou, na última sexta-feira (11-02-2022), a cerimônia de colação de grau...
leia mais
leia mais
Projeto premiado pelo CAU-SP: Boas Práticas de Preservação do Patrimônio Cultura O projeto Parque Ferroviário para Cordeirópolis-SP, desenvolvido no IAU-USP, foi premiado pelo CAU-SP como Boas Práticas de Preservação do...
leia mais
leia mais
Os melhores trabalhos de conclusão de curso em 2021 pelo Archdaily Informamos que o TGI da aluna Giulia Ravanini Silva foi selecionado como um dos 25 melhores trabalhos de conclusão de curso em 2021, em chamada...
leia mais
leia mais
6º Prêmio Cura: Intervenção na Obra de Lina Bo Bardi Informamos que as alunas do 4º período Ana Elisa Pereira Chaves, Bárbara Vizioli Matos de Andrade, Beatriz Varani Eleuterio, Giulia Freire Villari...
leia mais