Instituto de Arquitetura e Urbanismo de São Carlos

IAU.USP em Casa - Ciclo de Palestras (14) - Diálogos

014 iau-usp-em-casa  web

_ 17 maio | 17h | youtube.com/iauusp | Lançamento do livro "LINA BO BARDI: o que eu queria era ter história". com ZEULER R. LIMA (autor, professor Washington University), ALINE Coelho SANCHES (IAU USP) e MIGUEL BUZZAR (IAU USP). 

Com grande satisfação o INSTITUTO DE ARQUITETURA E URBANISMO (IAU-USP) recebe no próximo dia 17 de maio, às 17h, o pesquisador, artista, designer, curador e professor da UNIVERSIDADE DE WASHINGTON, em Saint Louis, ZEULER R. LIMA para apresentação do seu livro Lina Bo Bardi: O que eu queria era ter história. A biografia, publicada pela Companhia das Letras no último dia 07, é resultado de vinte anos de cuidadosa pesquisa sobre a arquiteta. Lina Bo Bardi é esse ano homenageada postumamente, pelo conjunto de sua obra, com o Leão de Ouro Especial da 17ª edição da Bienal de Veneza, cujo tema é "How will we live together?" [Como viveremos juntos?]. O prêmio renova o interesse internacional pelo trabalho e pela vida dessa figura notável da Arquitetura e, como destaca o Instituto Lina Bo e P.M. Bardi, ela é a primeira mulher brasileira e a primeira no mundo com obra construída a receber a honraria. Nesse momento, a biografia acurada e inteligente escrita por Zeuler R. Lima e o seu debate são mais que bem-vindos e necessários. A mesa será composta pelos professores do IAU, ALINE COELHO SANCHES e MIGUEL ANTONIO BUZZAR, visando ampliar o debate e convidar à participação do público por meio de questões via chat do youtube.com/iauusp.

ZEULER R. LIMA é pesquisador, artista, designer, curador e professor da Universidade de Washington, em Saint Louis. Formado em arquitetura e urbanismo pela FAU-USP e com pós-doutorado em literatura comparada pela Universidade Columbia, ele recebeu o prêmio Bruno Zevi de história e crítica da arquitetura em 2007. Publicou o ensaio biográfico Lina Bo Bardi pela Yale Press, em 2013, e livros como Lina Bo Bardi, Drawings (Princeton University Press, 2019), e Lina Bo Bardi Dibuja / Dibuxa (Fondació Joan Miró, 2019), que acompanharam as respectivas exposições com sua curadoria. Site: https://zeulerlima.com/

Aline Coelho Sanches é professora de Teoria e História da Arquitetura e Urbanismo no IAU-USP. É Arquiteta e Urbanista e Mestre pela mesma escola e Doutora pelo Politécnico de Milão. Sobre a obra de Lina Bo Bardi desenvolveu pesquisas e escreveu textos, em especial, Casa de Vidro: um canteiro de contínua experimentação, que nesse ano recebeu o Prêmio Anparq na categoria Artigo em coletânea e foi publicado no livro organizado por Renato Anelli com supervisão de Marcelo Suzuki sobre o Plano de Gestão e Conservação da Casa de Vidro. Artigo da professora: Casa de Vidro - Lina Bo Bardi architect: Conservation Management Plan http://www.getty.edu/foundation/initiatives/current/keeping_it_modern/report_library/casa_de_vidro.html?q={}

Miguel Antonio Buzzar é graduado em Arquitetura e Urbanismo pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (1980), mestre (1996) e doutor (2002) em estruturas ambientais urbanas pela mesma Faculdade. Livre-docente pela Escola de Engenharia de São Carlos / USP (2011). Docente da USP desde 1989 ocupou vários cargos: coordenador do Curso de Arquitetura e Urbanismo e Presidente da Comissão de Graduação do Instituto de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo - IAU USP, Diretor do Instituto de Arquitetura e Urbanismo / USP (2016/2020), e atualmente Vice -Diretor (2020-2023). Leciona na graduação e na pós-graduação e pesquisa na área Teoria e à História da Arquitetura e do Urbanismo, principalmente: arquitetura moderna, arquitetura e urbanismo contemporâneo e políticas urbanas e habitacionais. Coordena 2 grupos de pesquisa certificados pelo CNPq: "Arquitec - arquitetura, tecnologia e habitação" e "ArtArqBR - arte e arquitetura, Brasil: diálogos na cidade moderna e contemporânea". Autor de trabalhos acadêmicos, destacando os livros "João Batista Vilanova Artigas: elementos para a compreensão de um caminho da arquitetura brasileira – 1938-1967"; e "Rodrigo Brotero Lefèvre e a Vanguarda da Arquitetura no Brasil"; coordena o Projeto de e pesquisa e extensão Cartilha da Cidade e a pesquisas "Difusão da Arquitetura Moderna no Brasil – o caso do Plano de Ação do Governo do Estado de São Paulo (1959-1963)". É parecerista ad-hoc das agências de fomento, FAPESP e CNPq e pesquisador bolsista em produtividade do CNPq - bp 2

14 cartaz web