Instituto de Arquitetura e Urbanismo de São Carlos

workshop estudos urbanos - sp: “novas linhas de mobilidade” vai até o dia 24.03.2014

 mobilidade-urbana web

 - o evento está sendo realizado na capital e também acontecerá em São Carlos.

Começou na última terça-feira (18.03.2014) e vai até a próxima segunda-feira (24.03.2014) o workshop profissional "Estudos Urbanos - SP: Novas Linhas de Mobilidade". O objetivo do evento é promover um debate de ideias entre diferentes parceiros e organizações envolvidos na área de transporte, meio ambiente, recursos hídricos e desenvolvimento urbano em São Paulo. Além da capital (de hoje até o dia 21.03.2014), a cidade de São Carlos também receberá o evento entre a próxima sexta e terça-feira.

Organizado conjuntamente por professores do Instituto de Arquitetura e Urbanismo (IAU) e da Escola de Engenharia de São Carlos, ambas unidades da USP São Carlos, e da Hafencity University (Hamburgo/Alemanha), com apoio do Centro Alemão de Ciência & Inovação São Paulo (DWIH) e da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (São Paulo), o workshop irá discutir segundo o professor Renato Anelli, do IAU-USP, propostas de renovação urbana nas áreas de influência dos eixos de transporte público da capital paulista, como os corredores de ônibus, linhas de metrô e monotrilhos. "Temos preocupação com áreas onde existem riscos de enchentes, ocupação informal e desabamento. Nossa proposta nesse workshop interdisciplinar é estudar e elaborar alternativas nestas áreas para São Paulo, principalmente no que se refere aos cursos d'água", explica o arquiteto.

A área de estudo localiza-se na zona leste paulistana, que encontra-se entre as prioritárias na proposta de revisão do Plano Diretor Estratégico, atualmente em análise na Câmara Municipal de São Paulo. Segundo a organização do evento, o foco está em propostas de mudanças que podem ser consideradas como força motriz para a concepção de uma cidade inclusiva: abordagem interdisciplinar, incorporando iniciativas locais e também a possibilidade de ser aplicável nas demais partes da cidade.

O pesquisador do IAU-USP lembra que o workshop será uma espécie de laboratório analítico experimental para a elaboração de soluções que compatibilizem mobilidade urbana, saneamento ambiental, e a vulnerabilidade social e às enchentes. "As visitas ocorrem in loco, em São Paulo, nos corredores de ônibus da Bacia do Córrego do Lajeado. Em São Carlos, eles serão feitas na área de renaturalização de córregos e nascentes, como o Tijuco Preto, um bom exemplo observado agora pelas grandes cidades", detalha o professor.

O workshop reúne professores e alunos de graduação e pós-graduação do IAU-USP, da EESC-USP e da Hafencity University, especialistas em transporte público, meio ambiente, drenagem urbana, paisagismo, além de técnicos de várias secretarias da Prefeitura Municipal de São Paulo. A sede do evento em São Paulo será o Edifício Martinelli. Em São Carlos, a visita técnica será realizada no dia 22.03.2014 (sábado) e é aberta para inscritos no curso e para imprensa mediante contato prévio.

Os trabalhos produzidos no workshop serão apresentados publicamente no dia 26.03.2014, às 9 horas, na sede do evento em São Paulo.

Mais informações podem ser obtidas no site http://apoiodidatico.iau.usp.br/estudosurbanossp/

 

Apresentação dos trabalhos do Workshop Estudos Urbanos acontecem nesta segunda em São Carlos e quarta na capital

Em desenvolvimento desde a última terça-feira (18.03.2014) o workshop "Estudos Urbanos - SP: Novas Linhas de Mobilidade" apresentará os seus estudos para discussão pública na próxima semana tanto em São Carlos como em São Paulo. O evento está analisando as relações entre os planos de escala metropolitana e a realidade local de uma região na Zona Leste de São Paulo, a bacia do córrego Lajeado no Itaim Paulista.

As análises se concentram em três frentes, explica o professor Renato Anelli (IAU-USP). "A primeira é a espacial, voltada ao entendimento da geomorfologia, da ocupação urbana e dos projetos existentes para a área. A segunda é a dos instrumentos de planejamento, que procura identificar como a revisão do Plano Diretor incide sobre a área e qual as potencialidades que ela abre para enfrentar seus principais problemas. Nesse sentido, destaca-se a oportunidade de ensaiar os novos dispositivos presentes no plano: os Eixos de Estruturação da Transformação Urbana e a Área de Estruturação Local. A terceira é a dedicada ao conhecimento das pessoas que vivem ali, utilizando métodos de pesquisa etnográfica, com entrevistas, visitas e levantamentos de informações no local", informa Anelli.

O workshop que está sediado na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano de São Paulo irá se transferir para o Instituto de Arquitetura e Urbanismo de São Carlos neste final de semana. No interior as atividades começarão pela visita a experiências bem sucedidas de renaturalização de cursos d'água com infraestrutura verde. Em seguida o workshop entrará em uma fase propositiva, na qual serão elaborados cenários futuros para a área de estudo.

Organizado conjuntamente por uma parceria do Instituto de Arquitetura e Urbanismo (IAU) da USP São Carlos, o Centro Alemão de Ciência & Inovação São Paulo (DWIH), a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (São Paulo) e a Hafencity University (Hamburgo/Alemanha), o workshop conta com cerca de 30 participantes, alunos de graduação e pós-graduação de Arquitetura, Urbanismo e Engenharia Ambiental, além de funcionários de várias secretarias da prefeitura de São Paulo.

Nesta segunda-feira (24.03.2014), às 18 horas, o workshop debaterá com os interessados suas primeiras conclusões no auditório do IAU-USP, em São Carlos. Na quarta-feira (26.03.2014), será a vez dos resultados serem apresentados em São Paulo, às 9 horas, no terraço (26º andar) do Edifício Martinelli.

Mais informações podem ser obtidas no site http://apoiodidatico.iau.usp.br/estudosurbanossp/

 

Alexandre Milanetti
Ass. Imprensa / IAU-USP