HABIS-IAU/USP participa na Semana USP de Ciência e Tecnologia 2016

habis2016 web

- dia 23/10/2016, entre 14h e 19h, na Praça XV de Novembro, São Carlos – SP.

O grupo de Pesquisa em Habitação e Sustentabilidade – HABIS participa, neste próximo domingo, da Semana USP de Ciência e Tecnologia 2016, com o tema "Madeira, por que não?". Esta apresentação é decorrente das atividades desenvolvidas ao longo dos mais de 20 anos de atuação do grupo, na pesquisa, ensino e extensão, com o tema da construção em madeira. Num cenário mundial de aquecimento global, alterações climáticas, esgotamento de recursos naturais, geração de resíduos e, progressivo impacto ambiental e social, a madeira é, comprovadamente, uma alternativa. Trata-se de um material proveniente de fontes renováveis, de baixo consumo energético em sua produção, extração e uso, além de contribuir para a absorção de gases de efeito estufa. O seu uso na construção civil pode ser realizado através de técnicas tradicionais, de fácil apropriação, bem como aquelas altamente modernas e sofisticadas. É um material durável, se aplicado de maneira correta, de boa aparência, reaproveitável, podendo ser empregado em projetos de diferentes escalas e formas.

Os modelos reduzidos apresentados nesta exposição são decorrentes de projetos existentes, desenvolvidos pelo grupo, e demonstram os diferentes sistemas construtivos empregados, sempre na busca por soluções locais, de fácil replicação e apropriação. Os modelos também demonstram a preocupação no uso de outros tipos de materiais, de fontes renováveis, como a terra, em painéis de taipa, terra-palha, adobe.

Os modelos foram confeccionados pelos alunos de graduação inscritos no curso de "Modelo Reduzido", de 2013, uma parceria entre Grupo Habis / IAU – USP, e Laboratório de Modelos Reduzidos da FAU-UnB, sob a responsabilidade do professor Ivan do Valle. Teve, entre seus objetivos, a intenção da difusão da cultura construtiva da madeira, um esforço de capacitar novos profissionais nesta área de atuação. Construir em madeira é possível e viável.

A participação na Semana de Ciência e Tecnologia surge como uma oportunidade de divulgar, junto à sociedade, os potenciais usos da madeira, demonstrado através dos projetos apresentados, bem como contribuir com a conscientização para o seu uso enquanto solução de baixo impacto e ambientalmente amigável. A madeira está presente em todas as etapas das nossas vidas: no mobiliário, nos talheres, em objetos diversos, como combustível, como matéria prima para papéis e derivados, em equipamentos públicos urbanos, em sistemas de cobertura, por que não para a construção de edificações?