Instituto de Arquitetura e Urbanismo de São Carlos

Alunos do IAU recebem menção honrosa especial em concurso internacional

 imagem-1 web

_ Na última quarta-feira (1), uma equipe composta por alunos de graduação do Instituto de Arquitetura e Urbanismo (IAU-USP) recebeu uma menção honrosa especial em um concurso internacional promovido pela "ArchStorming Architecture Competitions" em conjunto com a organização sem fins lucrativos "His Hands On Africa" (HHOA). A proposta do desafio era construir a Clínica Dentária e o Instituto de Treinamento HOPE na capital de Ruanda, Kigali, localizada no centro da África. O país enfrenta problemas com a questão de saúde pública, como o difícil acesso da população a tratamentos odontológicos básicos (para se ter noção, existem cerca de 50 dentistas para atender a população de quase 12 milhões, o que equivale a um dentista para cada 250.000 habitantes). Além da clínica odontológica, que atenderá a população local, o HOPE Dental Center fornecerá treinamento de alta qualidade a dentistas voluntários, que irão oferecer seus serviços às comunidades carentes do país.

O programa do projeto era constituído, obrigatoriamente, por três edifícios (a clínica odontológica/ centro de treinamento, o alojamento para os voluntários e um armazém/ centro de distribuição), que estariam dispostos em um terreno com cerca de 8000m2 de área e uma diferença de 36 metros de altura entre a cota mais baixa e a mais alta. A equipe formada pelos alunos do quarto e quinto ano, Diego Zumpano Antonio, Isabela Okada Marquez, Leonardo Soares e Luccas Melo, desenvolveu uma proposta que levasse em conta, principalmente, as características naturais da área de intervenção e da cultura local do país, como explica Luccas: "como se tratava de um outro país, tivemos que nos informar sobre a disponibilidade de materiais, de mão de obra e de infraestrutura em Ruanda, além de aprender sobre a cultura e as tradições construtivas locais. A dificuldade de acesso à água, por exemplo, torna o sistema de coleta de água da chuva essencial". Ademais, o projeto fazia uso de materiais construtivos de fácil disponibilidade no local (como a pedra utilizada em algumas partes dos edifícios) e contava com um conceito que remetesse a outras obras arquitetônicas já existentes na cidade, como a Faculdade de Arquitetura e Desenho Ambiental da Universidade de Ruanda.

imagem-2 web

Os três edifícios propostos foram articulados através de eixos principais de visão e circulação, conferindo, também, uma uniformidade ao projeto. Os dois volumes do térreo da clínica foram dispostos de forma a criar o volume da recepção, que se abre para a paisagem e se destaca tanto em forma quanto materialidade (aqui, foi utilizado concreto colorido). Através de um terraço, a recepção convida as pessoas que adentram o edifício a contemplarem a vista do restante do terreno, reforçando os eixos estruturais do projeto. O eixo de circulação divide o prédio do alojamento em duas partes: uma área mais privativa, onde se encontram os quartos e banheiros, e uma área social, onde estão a cozinha e o espaço para refeições e confraternizações. A fim de garantir a conservação da paisagem, o edifício do armazém foi parcialmente enterrado, transformando seu telhado em uma cobertura verde caminhável e gerando uma continuação do terreno.

imagem-3 web

Para a construção dos edifícios, foram adotados dois métodos construtivos: paredes estruturais de blocos de concreto (que são empregadas nos prédios da clínica odontológica, do alojamento e na parte administrativa do armazém) e o sistema de pilares e vigas de concreto (presente no grande galpão do armazém). Com relação à questão material, foram utilizadas pedras como acabamento para as paredes do nível inferior do edifício da clínica (e em outras partes dos edifícios), transmitindo uma sensação de rigidez a esta base semienterrada e contrastando com as esbeltas estruturas metálicas dos telhados, que são "destacados" da construção - proporcionando um melhor conforto térmico aos edifícios. Seguindo o programa do projeto, foi proposta uma área coberta por um pergolado de madeira e palha no pátio do edifício da clínica.

A proposta foi enviada no início de março e, pouco menos de um mês depois, vieram os resultados: dentre todas as propostas, vindas de todos os cantos do mundo e por diferentes perfis de participantes (arquitetos formados ou não e até mesmo profissionais e estudantes de qualquer área que desejassem participar), foram selecionados 50 finalistas. Dentre estes, 10 projetos receberam menção honrosa, 2 receberam menção honrosa especial e outros 3 ganharam o prêmio de terceiro, segundo e primeiro colocado, que será construído. A equipe do IAU foi uma das quais receberam a menção honrosa especial, compondo um dos cinco melhores projetos do concurso.

Além da colocação, o grupo receberá um prêmio em dinheiro.

imagem-grupo web

Para demais informações sobre o concurso e seus vencedores, acesse o site: https://www.archstorming.com/hope.html

Previous Next
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
leia mais
Equipe formada por alunos do IAU está na final do Desafio Internacional Urban Greenhouse Challenge _ Organizado pela Wageningen University % Research (WUR), o Urban Greenhouse Challenge propõe o desenvolvimento de projetos de estufas...
leia mais
leia mais
Congregação do IAU USP subscreve manifestação da Faculdade de Direito em defesa da Democracia, seus valores e Instituições _ MANIFESTAÇÃO DE APOIO DA CONGREGAÇÃO DA FACULDADE DE DIREITO DA USP À DEMOCRACIA, AO ESTADO DE DIREITO E AO JUDICIÁRIO A Congregação da...
leia mais
leia mais
Modelo de peça que alivia pressão de máscara cirúrgica é desenvolvida no IAU-USP _ O Instituto de Arquitetura e Urbanismo da USP de São Carlos (IAU-USP) está produzindo peças flexíveis com impressora 3D para aliviar a...
leia mais
leia mais
Edital do Programa Unificado de Bolsas - PUB/USP – 2020/2021   _ Segue abaixo o EDITAL 2020-2021 do PROGRAMA UNIFICADO DE BOLSAS DE ESTUDO PARA APOIO E FORMAÇÃO DE ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO...
leia mais
leia mais
Plataforma CO-LAB São Carlos   _ A plataforma CO-LAB São Carlos foi desenvolvida pelo IAU-USP com o intuito de criar uma rede colaborativa de enfrentamento da...
leia mais
leia mais
Bem-vindo a CON:FINIS!   _ O Nomads.usp convida você para participar de um grande intercâmbio de vivências sobre o confinamento, utilizando o audiovisual como...
leia mais
leia mais
IAU.USP em Casa - "O que vemos, o que nos olha"   _ Envie seu desenho para O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para...
leia mais
leia mais
Protetor facial contra o Coronavírus é criado no IAU-USP _ O Instituto de Arquitetura e Urbanismo da USP de São Carlos (IAU-USP) desenvolveu um modelo de suporte para protetor facial, seguindo as...
leia mais
leia mais
Os desafios do planejamento urbano na construção de hospitais Os maiores hospitais públicos do Brasil concentram em seus entornos um elevado número de pessoas vulneráveis física e socialmente, além de...
leia mais
leia mais
ações para conter a epidemia causada pelo Covid-19 . (16/07) OITAVA MENSAGEM DO REITOR À COMUNIDADE ACADÊMICA . 27/05) SÉTIMA MENSAGEM DO REITOR À COMUNIDADE ACADÊMICA . (27/04) SEXTA MENSAGEM...
leia mais
leia mais
Projeto de ex-alunos do IAU vence concurso em Araraquara Dois ex-alunos do Instituto de Arquitetura e Urbanismo (IAU) da USP, em São Carlos, venceram um concurso promovido pela Prefeitura de Araraquara...
leia mais
leia mais
Resultado da eleição para representação discente do Campus O aluno Victor Uriel Dutra Teixeira, do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos, foi eleito representante...
leia mais